Tonquinês

Tonquinês

Tonquinês

História

Como origem do gato Tonquinês, podemos encontrar um gato que foi criado através do cruzamento entre gatos birmaneses e siameses para que se pudessem combinar melhor as qualidades de ambas as raças. É bastante provável que o cruzamento natural entre estas duas raças já aconteçam há centenas de anos, uma vez que estas raças vieram da mesma região o Sião, conhecido atualmente como a Tailândia.

Gatos birmaneses, siameses e gatos com as características dos tonquineses já foram descritos no livro de poemas sobre gatos do Sião, este livro que teria sido escrito no Sião no período de Ayudha, compreendido entre os anos de 1358 a até 1767. A partir do ano de 1800 acredita-se que na Inglaterra alguns siameses, que eram chamados na época de chocolate, é o que chamamos atualmente de Toquinês.

No ano de 1960 nos Estados Unidos duas criadoras, Jane Barletta e Margareth Conroy teriam cruzado gatos da raça birmaneses com gatos siameses, originando assim os primeiros exemplares de gatos tonquineses, produzidos intencionalmente, ambas criadoras começaram a se comunicar e passaram então a trabalhar em conjunto para que pudessem desta forma desenvolver esta nova raça.

O gato então virou uma combinação perfeita entre gatos da Birmânia e gatos siameses atribuindo assim características bastante distintas de ambas as raças além de seu comportamento que também é bastante semelhante.

Características físicas

O gato Tonquinês deverá sempre ser um gato de porte médio, não sendo considerado nem esguio nem compacto. É musculoso, sendo bem mais pesado do que ele aparenta realmente ser.Sua cabeça deverá contar com contornos redondos, e é mais longa do que larga. Suas orelhas costumam apresentar um tamanho médio, com pontas ovais e em posição sempre de alerta. Seus olhos contribuem sempre para a expressão atenta do gato da raça Tonquinês. Esta é uma raça bastante famosa pela coloração de seus olhos, chamada de aqua, o que é um azul muito claro e límpido, onde a sua beleza é realçada com a luz natural. Com isto é também aceita tonalidades de verde nos olhos quando são combinados com determinadas pelagens dos felinos.

São consideradas cinco variedades de cores do gato da raça Tonquinês, e o termo vison conta com a atenuação da cor do seu corpo, que em inglês este termo se chama mink.

O gato com a coloração vison natural, possui como características em sua pelagem um corpo castanho quente, enquanto que suas extremidades são de coloração chocolate escuro bem como a do nariz, além disto ele deverá contar com almofadas na planta dos pés que deverão seguir estas cores.

O gato de coloração Vison Champagne, possui uma cor do corpo bege, doce, e também com extremidades castanha clara e a do nariz bem como a almofada de suas patas se apresentam de coloração rosada ou mesmo castanho escura.

O felino de coloração Vison Azul, oferece uma coloração em sua pelagem cinza azulada, enquanto que a das suas extremidades, e as almofadas da palma dos pés costuma ser cinza.

Comportamento

O Tonquinês é um gato muito ativo, como são as suas duas raças de origem igualmente. Costumam ser muito sociáveis, amigos e afetivos. Se você procura por um gato de sofá e que seja bem independente, este não é um gato para você pois ele é bem oposto a isto. O gato Tonquinês é um felino de muita personalidade, chegando até mesmo a ser teimoso mas costumam ser tão ternos que é quase impossível brigar ou xingar estes animaizinhos.

Eles gostam muito de estar com pessoas, crianças e também outros gatos e cães. Não gostam de forma alguma de ficarem sozinhos ou sem receberem atenção, mais do que gatos que costumam miar para si próprios, os Tonquineses tem a capacidade de conversar, esperando inclusive respostas de seus donos e prosseguindo um diálogo com ele. Gostam muito de ficar em lugares altos e observar tudo o que está acontecendo e o que se passa em casa, detestam portas fechadas.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedintumblrmail

Deixe uma resposta