7 maneiras de melhorar a vida de um cão idoso

Cão Idoso

Cão Idoso (foto: drryanllera.com)

Os cães ficam idosos entre 7 e 12 anos. Normalmente as raças menores demoram um pouco mais que as raças grandes para aparecer os sintomas.

Como saber se seu cão está ficando idoso ? Existem algumas situações que você pode observar :

  • Dificuldade para se levantar ou subir escadas
  • Não ficam muito tempo em pé, levantam-se e já deitam em seguida
  • Diminuição em suas atividades, não corre mais como antes
  • Ele se assusta com a chegada de pessoas por trás, sua audição não percebe a chegada de pessoas
  • Sua visão diminui, ele pode estranhar pessoas que antes não estranhava.
  • Torna-se menos sociável

Quando estas situações acontecerem é essencial você procurar um veterinário para saber a causa, se é mesmo a chegada da velhice.

Mas abaixo temos algumas dicas para você melhorar a vida de seu cão.

  1. Coloque a água mais próxima : Cães idosos tendem a tomar menos água. Porém é muito importante o consumo de água, então deixe sua água sempre limpa, em abundância e algumas vezes no dia coloque sua vasilha de água próxima a ele e ofereça.
  2. Ajuste sua cama : Camas para cães idosos não podem ser muito altas para ele não ter dificuldades para subir. Da mesma forma não pode ser muito macia ao ponto do cão não ter estabilidade ao estar na cama. Colchões em uma densidade parecida com a ortopédica é uma boa idéia nestes casos.
  3. Frequente o veterinário regularmente : Com um cão idoso, os problemas de saúde são mais recorrentes, portanto é importante ir ao veterinário pelo menos 1 ou 2 vezes ao ano mesmo que ele não aparente nenhum problema. É importante sempre um exame clínico e demais exames laboratoriais para poder saber se seu cão não tem nenhum problema. Em casos de problemas aparecerem, não pense duas vezes e não espere : Leve imediatamente ao veterinário.
  4. Cuidados com os dentes : Infecções provenientes da boca e dentes são muito comuns, procure escovar os dentes de seu cão duas ou três vezes na semana e se for o caso, procure um veterinário para realizar uma limpeza profissional.
  5. Exercícios físicos : São muito importantes, porém é preciso muito cuidado para ajustar os exercícios a sua idade. Não forçe um cão idoso, passeios regulares, lentos e com calma são muito bons. Leve sempre um pouco de água para oferecer no meio do percurso, faça algumas (ou muitas) paradas durante o passeio em sombras e não o exponha em horários de sol forte.
  6. Alimentação : É sempre recomendado uma alimentação seca (ração) de alta qualidade, a ração possui todos os nutrientes necessários para ele, mas um cão idoso pode tornar-se mais seletivo quanto à comida. Se for este o caso, procure outra ração que ele goste, faça a transição entre as rações de acordo como explicam os fabricantes das rações (normalmente na embalagem existe esta explicação). Caso seu cão não coma por mais de 1 dia, fale imediatamente com um veterinário.
  7. Paciência, amor e carinho : Esta é a mais importante. Ele poderá fazer xixi em local errado, cair em cima de coisas, estragar algum móvel… mas se você estiver sempre ao seu lado oferecendo amor, carinho e tendo muita paciência, tudo se ajusta.
Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedintumblrmail

Deixe uma resposta